Ir para o conteúdo

Águas de São Pedro / SP e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Águas de São Pedro / SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
JAN
06
06 JAN 2023
310 visualizações
Com baixa adesão de entrevistas, Censo 2022 registra queda na população e Águas de São Pedro
AVALIAR
enviar para um amigo
receba notícias

O censo mais recente divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostra uma queda na população de Águas de São Pedro.
Levantamento feito pelo órgão aponta que a estância tem 13,68% menos moradores – passando de 3.588 para 3.097 – segundo a projeção feita no ano de 2021 e confrontada com a prévia do censo. Os dados foram coletados até 25 de dezembro de 2022. Um dos motivos da diminuição deve-se ao baixo percentual de águapedrenses que responderam ao questionário dos recenseadores.
 
Por outro lado, a redução populacional deve implicar nos cofres públicos da cidade. Isso porque os valores repassados pelo FPM (Fundo de Participação dos Municípios) no orçamento deve ser menor para Águas de São Pedro. Esse fenômeno também foi observado massivamente no país todo – um em cada oito municípios deve ter menor participação na distribuição do FPM.
 
Um levantamento da Confederação Nacional dos Municípios (CNM) mostra que apenas 331 de um total de 5.568 municípios de todo o Brasil ganharam coeficiente. São 4.348 os municípios que vão manter o coeficiente e outros 863 que apresentaram diminuição no índice e consequentemente irão perder recursos.
 
O prefeito de Águas de São Pedro, João Victor Barboza (Cidadania) disse que muitos moradores águapedrenses deixaram de responder o questionário dos recenseadores durante o período de coleta de dados.
 
“Muitas pessoas não responderam ao questionário ou não foram atrás para atualizar os dados. E além disso, não retornaram ao telefone indicado para que as informações pudessem ser mais concretas. Isso impacta diretamente nos planos orçamentários do município já que há perda de recursos”, explicou. Neste ano de 2023, o FPM vai dividir R$ 188 bilhões entre os municípios brasileiros. A primeira parcela deve ser depositada na conta das prefeituras no dia 10 de janeiro.
 


Contato
Como se trata apenas de uma prévia, a coleta do Censo 2022 ainda pode ser alterada. Residentes de domicílios não visitados podem entrar em contato pelo telefone 137 para responder ao questionário. A ligação é gratuita e o serviço funciona todos os


 

 

Seta
Versão do Sistema: 3.2.10 - 11/01/2023
Copyright Instar - 2006-2023. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia